Raio Negro | Primeiro episódio da série é eletrizante

Hoje foi disponibilizado o primeiro episódio de Raio Negro na Netflix. A série produzida pela CW é totalmente fora do padrão das séries que compõem o Arrowverso. E isso é uma coisa boa. Deu  liberdade para que a produção seja mais sombria e mostrar coisas que não vemos em Supergirl ou The Flash, desde violência a consumo de drogas.

O primeiro episódio começa mostrando o estado atual da cidade de Freeland, que está tomada por gangues, em especial como a gangue das 100 balas. Mas um bairro parece ser isento disso, Garfield, lar da Garfield High onde Jefferson Pierce, ex medalhista olímpico, é diretor. Uma escola modelo com taxa de 90% de aprovação, um local em que jovens uniformizados são educados para tomar o controle de seu futuro e fazer coisas grandiosas na vida. Pierce já não usa seus poderes, Raio Negro não aparece a 9 anos. Uma escolha feita após ver sua família se desfazer, por colocar sua vida em risco noite após noite.

Quando finalmente sente que está onde deveria estar, as coisas começam a fugir do controle, a violência que apenas cercava Garfield High rompeu a a camada fina de segurança feita por um acordo entre Jefferson e as gangues. Agora suas duas filhas estão em perigo e Raio Negro está de volta!

 

A qualidade de fotografia, trilha sonora, figurino, cenário bem como os efeitos especiais são incríveis, as cenas de ação são um verdadeiro show. A profundidade do roteiro excede as expectativas, é mais próximo da realidade do que as séries já conhecidas. O vilão, além de ter uma aparência de “casca grossa” é palpável, aqui não temos um homem rico que luta contra o crime, ou uma garota super poderosa vinda de Krypton, mesmo com super poderes Raio Negro é apenas um homem que quer manter sua família segura.

Mais episódios de Raio Negro serão lançados semanalmente pela Netflix, iremos acompanhar de perto essa série. Você pode conferir o teaser do próximo episódio aqui.

 

Uma deusa, uma louca, uma feiticeira.

Rebeca Vilas Boas

Uma deusa, uma louca, uma feiticeira.