Shethority | Atrizes do Arrowverso lançam plataforma de empoderamento feminino

Dentro e fora das telas, as atrizes que compões o Arrowverso tem mostrado cada vez mais à que vieram.

Melissa Benoist e Chyler Leigh, de Supergirl; Candice Patton e Danielle Panabaker de The Flash ; Caity Lotz , Maisie Richardson-Sellers e Tala Ashe de Legends of Tomorrow e Emily Bett Rickards , Juliana Harkavye Katie Cassidy de Arrow, se uniram para lançar a campanha Shethority, com o ideal de criar um “espaço positivo para as mulheres serem inspiradas, empoderadas e compartilhadas”.

O perfil no twitter é gerenciado pelas próprias atrizes, que compartilham mensagens e respondem aos seguidores, motivando e empoderando. O site shethority.com funciona como uma plataforma para compartilhamento de artigos escritos até mesmo pelas próprias atrizes das séries da The CW, como Nafessa Williams, vídeos e também a loja online que tem todo o dinheiro arrecadado destinado para a organização Girls Inc., que se dedica a ajudar garotas entre 6 e 18 anos de idade, e para a própria plataforma Shethority.

O Shethority é descrito como uma “comunidade para todos que desejam fazer parte do movimento em direção à igualdade, independentemente de gênero, sexualidade, religião, raça ou etnia”, porém para quem acompanha os ícones que essas atrizes representam é uma fonte de inspiração que transcende o que elas representam na ficção para as mulheres que elas são na vida real.

Sororidade é a palavra chave que descreve esse movimento. Mulheres famosas que alcançaram seus objetivos dando apoio para que outras mulheres se inspirem para conseguir o que quiserem, ou sair de uma situação desagradável como assédio, ou algo que parece mais simples mas que é extremamente complicado, a autoafirmação.

“Se você já se perguntou por que se sente mais deprimido ou ansioso em um determinado dia, comece examinando seu primeiro pensamento ao acordar. Muitas vezes a negatividade começa como um sussurro, e se a deixarmos viver, ela se transforma em um monstro mentiroso que se sente maior que nós. Mas a beleza é que a escuridão nunca é maior que nós mesmos. Nunca. Nós sempre temos o poder de mudar nossos pensamentos e percepções. Estamos no controle de nossas mentes, não o contrário. É uma verdade fortalecedora.” Juliana Harkavy

Esta que vos escreve, como mulher e fã da DC, pode afirmar o quão incrível é sentir que você tem uma linha de apoio vindo destas mulheres, suas histórias e depoimentos são inspiradores e a admiração que surgiu ao vê-las como heroínas se transforma na admiração ao vê-las como mulheres e até mesmo como amigas platônicas.

Descubra mais informações no perfil no Twitter , elas compartilham seu material e o de outras pessoas relacionadas ao mesmo objetivo além de responderem aos seguidores.

Uma deusa, uma louca, uma feiticeira.

Rebeca Vilas Boas

Uma deusa, uma louca, uma feiticeira.